Preconceito. Como você reage?

PRECONCEITO

Você é preconceituoso(a)?

Você tem noção de quanto o preconceito rouba a felicidade das pessoas?

Nessa série de perguntas e respostas (vídeo logo abaixo) nós vamos falar de um tema sobre o qual nos indagam sempre, e que está presente no dia a dia de qualquer pessoa.

Isso mesmo: por incrível que pareça, o preconceito é algo com que a gente se depara no dia a dia.

Filme revelador

Recentemente tivemos a oportunidade de assistir a um filme bem interessante e sugestivo.duas

Não há na descrição do vídeo a informação sobre a procedência. Mas parece ser um filme feito nas Filipinas, um país fascinante, não só pelo seu lado exótico como também por ter as mulheres mais lindas do mundo.

A cada passo que se dá encontra-se com uma mulher linda.

E as duas protagonistas também são maravilhosamente lindas.

Conflitos arrasadores

Por causa do preconceito:

Duas mulheres ficaram em um tremendo conflito e sofreram pra caramba

conflitosUma mulher linda entrou em conflito com a própria mãe

Um pai morreu de desgosto

E essa mulher linda, atordoada no meio da rua depois de visitar o túmulo do pai, acabou atropelada e ficou em coma por duas semanas no hospital.

E pode-se dizer que, por causa de um preconceito, um casamento foi desfeito.

Destruidor da felicidade

Mas veja bem, não adianta a gente querer negar: o preconceito existe e é danoso: contra homossexuais, contra negros, contra pessoas de idade, contra deficientes físicos.

E ele é o maior destruidor de felicidade do mundo.preconceito

Mas uma coisa você pode ter como certa: é preciso saber lutar contra o preconceito.

É preciso aprender

As pessoas acham que não. Mas deixar de ser preconceituoso também é um aprendizado, ao qual poucas pessoas se dedicam.

E sabe por que? Porque o preconceito também é aprendido.

Uma pessoa pode ter tendências homossexuais desde que nasce, ou desde os primeiros anos da infância,

Um negro nasce negro

Uma pessoa pode já nascer com deficiências físicas sérias.

Mas ninguém nasce homofóbico, ninguém nasce racista, ninguém nasce preconceituoso.

A sociedade nos “ensina” a sermos preconceituosos.

Portanto, se você é homofóbico, se você é racista, se você tem algum preconceito, é você que tem que se afastar, e não eles.

Porque ninguém é obrigado a conviver com um preconceituoso ou com uma preconceituosa.

Assista a seguir ao vídeo sobre o tema aqui abordado. 

 

E não se esqueça de se inscrever em nosso canal, clicando AQUI.

1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *