Inteligente se dá bem no sexo? E burro?

Inteligente se dá bem no sexo? E burro?Atração física, beleza, sensualidade, tesão, dinheiro. Tudo isso vivem dizendo que atrai relacionamentos e faz as pessoas transarem.

Mas você sabia que inteligência está nessa lista?

Pois é, é isso mesmo. O nome dessa descoberta não é nada erótica: sapiossexualidade.

Eu falei sapio, e não sapo. Não tem nada a ver com a história de que o príncipe virou sapo. Ou de que o sapo virou príncipe.

Mas o que acontece é que existe aí uma corrente que garante que a atração sexual pode surgir por uma pessoa devido às suas características intelectuais, tais como inteligência, formação cultural e a visão que essa pessoa tem do mundo, sem que esteja obrigatoriamente incluída a atração pelo corpo, que é considerado o item na relação que leva mais ao desejo. Pelo menos de um modo geral.

(Clique a seguir se prefere assistir ao vídeo ou continue lendo logo abaixo)

Sapien vem do latim, que significa inteligência, sapiência. Lembra da expressão homosapiens, que significa a fase em que o homem, na evolução, foi adquirindo sabedoria e virou homem sábio? Pois é. Agora, muitos séculos depois da Idade da Pedra, descobriu-se que ele serve também para o sexo.  Daí o termo sapiossexualidade, criado por um tal de Darren Stalder, e a coisa é bem mais recente do que o termo homossapiens, que apareceu há cerca de 200 mil anos. Mas esse tal de Stalden precisou passar esse tempo todo para criar a expressão sapiossexualidade, que só surgiu em 1998. Ou seja, o homem precisou de cerca de 200 mil anos pra descobrir que a sabedoria significa alguma coisa em matéria de sexo.

E mesmo assim não é tão simples. Existe quem já tenha admitido a atração com base na inteligência, mas algumas dessas pessoas sempre associam essa atração também à atração física. Ou seja: não adianta ser apenas bonito, tem que ser inteligente. E também não adianta ser inteligente, tem que ser bonito. Então, o cara que se acha muito bonito tem que cair na real: se for burro não vai adiantar nada. Só que para os feios resta uma esperança: os sapiossexuais de fato, segundo os estudiosos do tema, não dão importância às características físicas. A atração sexual surge só com base mesmo na inteligência da pessoa. A beleza física fica em segundo plano. Ou nem é levada em conta.

E essa atração pela inteligência, pela sabedoria, pelo intelecto, pode surgir nos dois sexos. Ou seja, se a mulher for também muito burra pode dançar. Bom, dançar mesmo não dança. Mas pode se transformar naquela que só dá para dar uma provadinha e depois o cara desaparece.

Pois é, em matéria de sexo a coisa anda complicada. Mas se você é feio ou feia mande fazer a sua camiseta logo: Sapiossexuais, eu estou aqui. Eu já mandei fazer a minha.

Deixe aqui o seu recado

Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso de cookies.