Será que vale a pena dizer Eu Te Amo?

Será que vale a pena dizer Eu Te AmoHá quem acredite que dizer Eu Te Amo pode representar o fim de uma relação. Porque a pessoa que ouve fica tão convencida da sua força e poder dentro dessa relação que se acha encorajada a fazer tudo o que lhe vem à cabeça. E isso dá início aos conflitos. Então, será que vale a pena dizer Eu Te Amo?

A questão é que, se já é difícil demais definir o que é amor num relacionamento, mais difícil ainda é saber quando ele existe de fato.

Dizer Eu Te Amo, na verdade, nunca ou raramente seria dito em palavras por quem realmente ama, pois o que vale são as atitudes.

Amor e sofrimento

O Eu Te Amo pode se desmanchar facilmente com atitudes que desmentem a frase. Por essas e outras razões pode-se questionar: será que vale a pena dizer Eu Te Amo?triste

O amor frequentemente é associado a sofrimento. Só que não é o amor que faz sofrer, mas sim o amor não correspondido.

Esse é de lascar. E é o que mais existe no mundo.

Canções levam à pergunta…

Pessoas que amaram demais contam sempre histórias tristes por não terem sido correspondidas. Por isso mesmo o que não falta são canções que expõem essa amargura.

Uma das cantoras que mais demonstrou isso no palco foi Maysa. Ao final de algumas canções, ela chegava, literalmente, a desabar, agachando-se atrás do microfone para chorar.

Será que vale a pena dizer Eu Te Amo?

SeráMaysa imortalizou canções como Meu Mundo Caiu e A noite do meu bem, além de Ouça. Nessa última ela dispensa o amor que a desprezou:

 

 

 

 

 

 

Ouça, vá viver sua vida com outro bem. Hoje eu já cansei de pra você não ser ninguém.

A tentativa dela de se convencer de que o amor existia está nos versos onde ela canta:

O passado não foi o bastante

Pra lhe convencer

Que o futuro seria bem grande

Só eu e você

É uma canção que deixa evidente algo que arrasa qualquer relação: a falta de carinho.

Quando a lembrança

Com você for morar

E bem baixinho

De saudade você chorar

Vai lembrar que um dia existiu

Um alguém que só carinho pediu

E você fez questão de não dar

Fez questão de negar

Fim de caso

Será que valeO clima de imensa nostalgia pelo fim de uma relação foi cantado por Dolores Duran em Fim de Caso. Nessa canção, mais uma vez, está explícita a pergunta: Será que vale a pena dizer Eu Te Amo?

Eu desconfio que o nosso caso está na hora de acabar

Há um adeus em cada gesto, em cada olhar

Mas nós não temos é coragem de falar.

Nós já tivemos a nossa fase de carinho apaixonado

De fazer versos, de viver sempre abraçados

Naquela base do só vou se você for.

Mas, de repente, fomos ficando cada dia mais sozinhos

Embora juntos cada qual tem seu caminho

E já não temos nem vontade de brigar.

Tenho pensado, e Deus permita que eu esteja errada

Mas eu estou, eu estou desconfiada

Que o nosso caso está na hora de acabar.

Só mesmo pessoas demasiadamente insensíveis (e elas existem de montão) são incapazes de sentir o tom avassaladoramente lírico e nostálgico desses versos.

Arrependido por gostar tanto assim

tristezaA nostalgia e a tristeza de uma relação não correspondida fizeram com que Silvio Cezar se inspirasse para criar um dos achados mais poéticos, depois imitado por outros compositores, ao dizer: Ah, se eu fosse você, eu voltava pra mim. Certamente ele perguntou a si mesmo, mais de uma vez: será que vale a pena dizer Eu Te Amo?

Naná Caymmi interpretou a verdade dessa tristeza:

Eu não sei nem por que

fui gostar tanto assim.

Ah se eu fosse você eu voltava pra mim, voltava sim.

 

A moça dos tecidos

Noel Rosa, uma unanimidade quando se fala nos maiores compositores brasileiros, cantou canções inesquecíveis como Último Desejo e Três Apitos. Esta última foi feita em razão de uma paixão avassaladora por uma jovem que trabalhava até tarde da noite numa fábrica de tecidos.

Sou do sereno, poeta muito soturnoamor flor

Vou virar guarda-noturno

E você sabe por que.

Mas você não sabe

Que enquanto você faz pano

Faço junto do piano

Estes versos pra você.

Pra que mentir?

Verdades e mentiras, sempre presentes nas relações, e adultério, vício de muita gente, também inspiraram Noel na canção Pra que mentir:

Pra que mentir se tu ainda não tens

Esse dom de saber iludir?

Pra quê?! Pra que mentir

Se não há necessidade de me trair?

Pra que mentir, se tu ainda não tensinfidelidade

A malícia de toda mulher?

Pra que mentir

se eu sei que gostas de outro

Que te diz que não te quer?

Pra que mentir

Tanto assim

Se tu sabes que eu sei

Que tu não gostas de mim?

Se tu sabes que eu te quero

Apesar de ser traído

Pelo teu ódio sincero

Ou por teu amor fingido?

Quando falta a verdade

Fingimento é uma palavra fundamental para desvendar os mistérios das relações humanas, existindo ou não amor nessa relação. Até porque, sempre é bom lembrar, fingimento existe também nas amizades. E como existe!

Por isso, vamos resumir: diga Eu Te Amo apenas a quem merece ouvir isso de você.

Com isso, fica respondida a pergunta: Será que vale a pena dizer Eu Te Amo?

E o que você acha?

O importante no vídeo acima, que está em nosso canal no YouTube, é o seu comentário, a sua participação ativa.

Vamos contribuir com uma pergunta provocativa:

dúvidaPor que será que você, eventualmente, convive com duas pessoas que têm exatamente as mesmas carências culturais, o mesmo desconhecimento e a mesma falta de cultura geral… E, no entanto, com uma delas você consegue conviver pacificamente porque, apesar do desconhecimento das coisas, é possível conversar e divergir calmamente, sem perder a paciência um minuto sequer. É possível viajar com essa pessoa e considerar que foram as melhores férias de sua vida. Nenhuma discussão, apenas conversa pacífica, apesar das diferenças de opinião e de visão.  É possível conviver meses, anos, divergindo de forma civilizada e pacífica. Será que é porque a outra, que tem as mesmas deficiências culturais, é arrogante? É prepotente? É falsa o tempo todo? Vive fingindo que é o que não é. Lhe diz que você só sabe criticar e, no entanto, é ela que só critica tentando humilhar, ofendendo e demonstrando que só regride, tornando-se a cada dia mais insuportável?

Chegou a sua vez

Pois é, falamos aqui de pessoas aparentemente iguais em ignorância política e cultural. E que, no entanto, são completamente diferentes na hora de conviver. Eis a nossa provocação, para que você se manifeste. Chegou a sua vez. Deixe seu comentário lá no vídeo e logo abaixo:

  • Diferenças culturais afetam os relacionamentos humanos, como se costuma dizer?
  • E o que mais afeta, a seu ver?
  • Faça uma lista e nos diga, para que você saiba quem merece ouvir de você a frase Eu Te Amo.

Deixe aqui o seu recado

Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso de cookies.