Diferença de idade pode facilitar o sexo. Mas será que isso basta?

isso-basta

Um homem ou uma mulher que se casam com pessoas muito mais jovens estão pensando só em sexo?

Há algum tempo eu fiz um artigo/vídeo onde eu abordava a questão da grande diferença de idade entre o presidente Michel Temer e a sua esposa, a Marcela. E foi, seguramente, um dos vídeos mais acessados e mais comentados do canal.

Sinal de que este assunto interessa a muita gente. E provavelmente também interessa a você.

Pois é, só que, por mais que a gente fale no assunto, ele continua polêmico e cercado de muitos preconceitos.

Isto porque muitas pessoas não pensam no assunto e vão logo extravasando esses preconceitos.

A primeira coisa que vêm à cabeça das pessoas é que, se alguém escolhe uma pessoa bem mais jovem para se casar é porque está pensando só em beleza e em sexo.

A primeira pergunta que podemos fazer é: será que é isso mesmo? E a segunda é: será que vai dar certo?

As respostas estão no vídeo abaixo. Assista ou continue lendo mais adiante.

Vamos falar primeiro no caso dos homens. Sim, porque os que são mais visados pelas críticas são os homens mais ricos ou os mais poderosos. Não vamos nem falar nos homens mais famosos, porque esses vivem cercados de mulheres mesmo.

Mas pense aqui comigo: um homem muito rico ou muito poderoso vai ter alguma dificuldade em arranjar mulher?

Olha, desculpe esse termo meio indelicado, “arranjar mulher”, mas é que estamos falando em mulher que só serviria para sexo, não é mesmo? Ou seja: aquela que o homem rico ou poderoso escolhe só porque é bonita e jovem, porque só está interessado em fazer sexo com ela, não é mesmo?

Mas, como nós já falamos em algumas de nossas publicações anteriores, e nem é preciso mais falar, porque não é segredo para ninguém, sexo neste mundo é o que não falta. Em qualquer lugar que você vá, tem sexo pra todo lado.

Então, se um sujeito que não é nem rico e nem poderoso consegue sexo com facilidade hoje, imagine então o quanto isso é fácil pra quem tem muito dinheiro e poder.

Primeira conclusão óbvia, e cristalina: se for para conseguir sexo, não é preciso se casar. Muito pelo contrário: vai ser até melhor permanecer solteiro, já que, segundo está também na cabeça das pessoas, os homens preferem transar com várias mulheres diferentes, e eles têm até essa fantasia, segundo uma opinião mais ou menos generalizada entre as próprias mulheres.

Hoje ele transa com uma loura, amanhã com uma morena, depois com uma ruiva, e assim por diante. Ou então primeiro com uma magra, depois com uma gordinha, ou com uma que tem peito pequeno e depois com outra que tem peito grande.

Ou então com várias mulheres ao mesmo tempo, o que,  segundo alguns pensamentos, seria uma das fantasias preferidas de alguns homens.

E por aí vai.

Então, vem a segunda pergunta: se para arranjar sexo ele não precisa se casar, o que é que ele está procurando então?

Olha só, gente. Lembra que eu falei que homem famoso vive cercado de mulheres? Com isso eu sei que todo mundo vai concordar. Porque essa é uma tendência mesmo. Imagine: ele é famoso e, normalmente é rico. E por ser famoso e rico, isso vai lhe dar certo poder, correto?

É lógico que nunca se pode generalizar, mas que isso é uma tendência, disso também ninguém pode duvidar.

E você já viu o quanto de homem poderoso, rico e famoso que tem por aí reclamando que é solitário?

Pois é, o homem que se casa com uma mulher mais jovem é lógico que até pode pensar em ter prazer na cama, não podemos ser também hipócritas, mas se ele se casa com ela, ele está procurando algo além de sexo. Porque para ter isso tudo – ter mulher jovem e bonita que lhe ofereça sexo – ele não vai precisar se casar.

Então ele pode estar atrás de um monte de coisas: de uma verdadeira companheira, de uma boa companhia, pra que não se sinta solitário. De um bom papo, de uma pessoa inteligente, de alguém com quem ele possa compartilhar suas vitórias, angústias e temores.

Porque para combater solidão, não adianta ficar na presença de um monte de gente. O sentimento de solidão não está no lado de fora. O sentimento de solidão está dentro da gente. Caso contrário seria muito fácil: o sujeito se sente solitário e vai para um estádio de futebol ou para um show de muito sucesso. Ele até pode se divertir se gostar de futebol e de música, mas isso não significa que ele vai deixar de ser solitário. Muito pelo contrário: pode até se sentir mais solitário, porque não está ao lado de uma mulher que ele realmente ame.

Porque você pode se sentir solitário no meio de um bando de pessoas.

E não se sentir solitário quando está com uma pessoa de quem realmente você gosta.

Não se pode escapar de uma conclusão, portanto: um homem que se casa com uma mulher mais jovem é porque, além de juventude, além do frescor da juventude, digamos assim, e além, tudo bem, de sexo, ele encontrou algo a mais nessa mulher, que o fez feliz e o fez deixar de se sentir solitário.

E é lógico que se ele encontrar tudo isso numa mulher que não seja tão jovem assim, ele vai se casar também.

Até porque, cá pra nós, se a questão é atração física, tem muita mulher por aí que já passou de certa idade e continua uma belezinha, não é mesmo? E, independentemente disso, podem ser excelentes companheiras.

E uma coisa é certa: se o homem se casar com uma mulher mais jovem, por mais linda que ela seja, e encontrar nela só sexo, ainda mais se for um sexo falso, fingido, sem interesse, não vai durar não. E se não for uma mulher companheira, uma mulher que não lhe faça sentir-se ao lado de alguém que represente algo a mais para ele, aí é que não vai durar mesmo.

Bom, mas este artigo já está muito longo e não deu tempo de falar sobre a mulher que se casa com um homem bem mais jovem. Então, você mulher, responda pra mim nos comentários: o que faria você se casar com um homem bem mais jovem?

Vamos lá, participe. Mas seja sincera.

E os homens jovens, o que sentem ao lado de uma mulher mais velha?

A mini enquete está aberta.

Estamos esperando você.

Deixe aqui o seu recado

Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso de cookies.