Assédio sexual dá cadeia e pode desmoralizar o homem?

Algumas pessoas têm dito que as seguidas notícias e debates sobre assédio sexual têm deixado os homens, principalmente os mais jovens, temerosos de tentar conquistar uma mulher. E alguns até se perguntam se assédio sexual dá cadeia e pode desmoralizar o homem.

A primeira coisa a fazer é indagar se você sabe o que caracteriza, exatamente, o assédio sexual.

E, ainda, o que diferencia o assédio da importunação sexual e do estupro.

Assédio sexual dá cadeia e pode desmoralizar o homem

Bom, se você se interessa por esse tema, leia este artigo até o final, porque eu vou fazer uma série de alertas. E, se você gostou do tema, dê aí o seu sinal de positivo e compartilhe o texto, pois este assunto interessa tanto aos homens como às mulheres.

Outra coisa importante que eu tenho que dizer é que, se você assiste aos vídeos no Canal Recado Secreto, mas ainda não se inscreveu, é muito importante que você se inscreva para que o canal continue existindo.

A inscrição no canal é totalmente grátis e abordamos tudo em alto nível. Mas o YouTube deixa de mostrar os vídeos nos sites de busca se o canal não estiver crescendo permanentemente.

Assédio sexual dá cadeia e pode desmoralizar tanto o homem como a mulher

Muitas pessoas não conhecem a legislação e fazem confusão que só atrapalha

Existe muita confusão sobre essa questão do assédio porque muita gente que nem leu o que diz a legislação se mete a falar sobre o assunto.

A lei define, como assédio, o ato de constranger alguém com o intuito de obter vantagem ou favorecimento sexual, prevalecendo-se, o causador ou causadora do constrangimento, de sua condição de superior hierárquico ou ascendência inerentes ao exercício de emprego, cargo ou função.

Assédio de superior hierárquico da cadeia e desmoraliza

Sim, você pode ter ficado em dúvida, mas a mulher também pode ser acusada de assédio. E você deve ter percebido que a lei fala em posição hierárquica, ou seja: quando o assédio ocorre por ato de quem exerce um poder sobre a vítima.

E o que significa isso? É quando, por exemplo, o patrão fica, insistentemente, dando cantadas e até praticando atitudes mais ousadas, fazendo com que a vítima fique com medo de perder o emprego se não ceder a esse avanço. E, como já dissemos, o homem também pode sofrer assédio da mulher que exerce o cargo de chefia.

Mas perceba que a lei avança um pouco falando em “ascendência inerente ao exercício de emprego, cargo ou função”. Então, nesse caso, esse assédio pode ser interpretado como o caso do professor, que pode – por exemplo – intimidar a vítima com a ameaça, velada ou explícita, de reprovar essa aluna.

Ou mesmo um padre, um pastor ou qualquer religioso que exerça influência moral ou intimidatória, fazendo com que a vítima sinta algum medo de não ceder a esse assédio.

E você, certamente, já deve ter visto, no noticiário, os casos de religiosos sem nenhum escrúpulo que cometeram esse tipo de crime. A conclusão, portanto, é de que assédio sexual dá cadeia e pode desmoralizar o homem, quando a lei é corretamente aplicada.

Assédio sexual ou importunação sexual podem dar cadeia no Brasil

Assédio e importunação sexual podem dar cadeia no Brasil?

Existe também o que se chama de importunação sexual, que se caracteriza pela prática de atitudes de cunho sexual, sensual ou erótico, sem consentimento da vítima, com a finalidade de satisfazer o próprio prazer do agressor ou de terceiros.

Você também já deve ter visto, nos meios de comunicação, os casos de homens que foram encaminhados à delegacia por tocarem nas mulheres sem o consentimento delas. Ou por praticarem atos libidinosos, como a exibição dos órgãos sexuais ou mesmo a masturbação na frente das mulheres.

Isso é muito comum de acontecer, por exemplo, no transporte público. Quando existe uma superlotação, as pessoas costumam se encostar e muitos se aproveitam para atitudes muito mais ousadas, que podem ser tipificadas como crimes.

Já o caso de estupro é quando ocorre o ato em si, de a pessoa ser forçada a manter relações sexuais mesmo sem concordar ou sem querer essa relação.

Assédio sexual ou importunação sexual podem dar cadeia no Brasil

Lei sobre estupro pretende ser mais rigorosa mas ainda dá margem à impunidade

Existe um ponto importante: o estupro pode ser considerado mesmo quando não existe a penetração. E a lei pretende ser mais rigorosa, mas ainda persiste a impunidade.

O que a lei determina é que não é necessário que o ato sexual se complete porque, dependendo de como tudo ocorreu, indo a julgamento, a pessoa acusada pode vir a ser condenada por estupro.

Num vídeo recente, que você pode assistir clicando aqui, eu revelei, também, o caso de homens que se passam por mulheres muito jovens e até mesmo como se fossem virgens, usando as redes sociais e WhatsApp com perfis falsos, para depois chantagear os homens para obter dinheiro.

Está tudo explicado também no artigo que você pode ler AQUI.

O grande problema em relação a essa questão de assédio, além de tudo o que já explicamos em nossos artigos e vídeos, é que alguns homens confundem o assédio com aquilo que normalmente se chama de paquera. E isso, evidentemente, não precisamos explicar, porque todo mundo sabe o que é paquera.

Mas ainda existe outra situação, em que o assédio se dá com cantadas explícitas, em público, nas ruas, naquela situação em que alguns homens dizem gracinhas ou gritam que a mulher é gostosa, entre outras expressões, quase sempre muito grosseiras, só de verem a mulher passar.

Obviamente que isso causa constrangimento para a mulher.

Mulher assediada na rua

Cantadas vulgares apenas desmoralizam os machistas

No Brasil isso não resulta ainda em consequência a não ser a repulsa e a revolta dessas mulheres em relação a essas atitudes.

Nas viagens que fiz à Europa, eu nunca vi isso acontecer em ambientes públicos. Não conheço as leis desses países, mas me parece claro que é também uma questão cultural.

Sei que muitos homens vão reclamar do que eu vou dizer, mas o sujeito que ainda age dessa forma é somente um machista. E uma pessoa vulgar.

Ou acha que vai conquistar alguma mulher agindo dessa forma?

Bom, posso até arriscar a dizer que existem mulheres que até podem gostar. Mas são igualmente vulgares.

Porque um homem vulgar que comete atitudes vulgares consegue, no máximo, atrair as mulheres igualmente vulgares.

Então, se você está realmente interessado numa mulher, ainda que não pense em casamento, procure conquistá-la. Mas, sem ser vulgar. Porque, efetivamente, assédio sexual dá cadeia e vulgaridade pode desmoralizar o homem.

E-book GRÁTIS: É possível encontrar o relacionamento ideal para curtir com prazer e felicidade sua vida amorosa?

Gerson Menezes

Escritor (com 9 livros publicados), jornalista, empresário, professor universitário (durante 10 anos), empreendedor digital e youtuber. Os livros podem ser encontrados na livraria virtual Amazon e na Thesaurus Editora.

Website: https://recadosecreto.com.br

    Deixe aqui o seu recado